Assassino de Maria Lúcia é preso



A Polícia Civil do Rio Grande do Norte prendeu Wagner Gomes de Lima, 36, autor do crime que tirou a vida da dona de casa Maria Lúcia Vanderlei Montenegro, 56, morta a facada na noite de segunda-feira na avenida Bernardo Vieira. A prisão ocorreu na cidade de Nova Cruz, distante 93km de Natal, região Agreste do Estado, no início da noite de ontem. Wagner Gomes de Lima confessou o assassinato.

Segundo informações ele é ex-presidiário e já teria respondido pelo crime de estupro. As informações foram confirmadas pelo delegado-geral de Polícia Civil Fábio Rogério. Uma coletiva de imprensa para repassar os detalhes da prisão está prevista ainda para hoje. De acordo com o delegado geral, o autor do crime estava na casa de familiares e a Polícia Civil chegou até o local após uma denúncia anônima. "Com base nessa informação entramos em contato com os policiais em Nova Cruz e eles realizaram a prisão". O assassino confesso não teria apresentado resistência no momento da prisão. O Chevette, com marcas de batidas, também foi apreendido.
 
Policiais civis se deslocaram até a cidade de Nova Cruz, ainda na noite de ontem, para transferir o preso para o núcleo de custódia aqui em Natal. A expectativa era de interrogá-lo durante toda a noite para que toda a parte cartorária estivesse pronta já na manhã de hoje. A prisão preventiva deve ser decretada ainda hoje. Como a prisão correu menos de 24 horas após o crime, ele será autuado em flagrante. Para Fábio Rogério "o trabalho incansável da Polícia Civil prendeu esse indivíduo, autor de imensa covardia".

O delegado Roberto Andrade, da Delegacia de Homicídios (Dehom) foi designado para apurar o crime e preferiu não dar mais detalhes sobre a prisão. Pela manhã, destacou a aleatoriedade do crime. "Pela forma como foi narrado esse lamentável crime, essa situação poderia ter acontecido com qualquer pessoa envolvida no acidente", afirmou.

"Hoje você vai morrer". Secas, como os golpes executados contra mãe e filho, foram as palavras proferidas pelo homem que matou a dona de casa Lúcia Maria Vanderlei Montenegro, 56 anos, e feriu seu filho mais novo, Ruthenio Antônio Vanderlei Montenegro, 26 anos, na noite de segunda-feira. De acordo com a estudante Sibela Peixe, 20 anos, namorada de Ruthenio, o assassino teria dito isso antes de começar a golpear o jovem. As informações foram repassadas à estudante pelo filho mais velho da dona de casa, Roberdan Júnior, que visitou o irmão no hospital na manhã de ontem.

A dona de casa Lúcia Montenegro foi assassinada na noite de quinta-feira quando defendia o filho mais novo do ataque de Wagner Gomes de Lima. A faca utilizada no crime atingiu o coração da dona de casa. Já Ruthenio Montenegro foi atingido com oito cutiladas na área do peito e pescoço. O estado de saúde dele é estável.

O autor do esfaqueamento, Wagner Gomes de Lima, era o condutor de um Chevette branco/bege, causador do choque em cadeia entre três veículos na avenida Bernardo Vieira, na altura do bairro das Quintas. Segundo testemunhas, dois minutos após o acidente, quando se pensava que ele tinha se evadido do local, e provocou uma tragédia inesperada. Enquanto Ruthenio ligava para a polícia, pedindo a perícia do acidente, o condutor do Chevette parou o carro no sentido contrário da avenida, atravessou a rua, e esfaqueou o jovem com oito facadas em várias partes do corpo.

Lúcia Montenegro, que estava no carro, avançou no agressor em defesa do filho, e foi atingida com um golpe no coração. Os momentos que se seguiram foram de mais dor. O motorista fugiu deixando a família sem pistas sobre o seu paradeiro. Ruthenio foi levado para o hospital em estado grave e entrou com urgência na sala de cirurgia. Dona Lúcia foi atendida pelas equipes do Serviço Ambulatório Móvel de Urgência, foi encaminhada junto com o filho para o pronto-socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu e morreu na sala de cirurgia.

 

 

Fonte: Tribuna do Norte



Postado em: 09/01/2013

<< Voltar

Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte - ADEPOL-RN
Rua João XXIII, nº 1848 - Mãe Luiza - Tel.: (84) 3202.9443 - Natal/RN
E-mail: adepolrn@gmail.com