NOTA DA ADEPOL



NOTA DA ADEPOL

 

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Rio Grande do Norte- ADEPOL, vem a público se manifestar em razão das últimas notícias divulgadas nos mais diversos meios de comunicação a respeito das investigações realizadas pela Delegacia Especializada da Defesa do Patrimônio Público-DEDEPP e 3º Delegacia Regional de Caicó, que apontaram o Delegado Luiz Antonio  da Silva Filho como autor do crime previsto no art. 312 do Código Penal, na modalidade peculato desvio.

 

A infração investigada trata-se de um crime funcional supostamente praticado por um Delegado de Polícia e a ADEPOL repudia fortemente qualquer conduta praticada por policial civil, ainda que seja um Delegado de Polícia, que atente contra a Administração Pública, e ora RATIFICA o apoio a toda investigação que tenha como escopo apurar crimes praticados por agentes públicos.

 

Ao Delegado investigado como a todos os cidadãos o princípio constitucional da inocência  assegura que somente  será considerado culpado após responder a um processo criminal em que lhe seja garantido um julgamento justo, onde seja observado o devido processo legal, contraditório e ampla defesa, não nos cabendo neste momento, fazer qualquer ilação a respeito do mérito da questão que será tratado em momento oportuno em processo judicial.

 

Esta entidade de classe congrega os Delegados de Polícia de carreira de Estado e entende que o respeito aos direitos mínimos de todos os policiais civis devem ser preservados, reafirmando o nosso compromisso constitucional de defender os interesses da sociedade continuando a realizar investigações justas e compromissadas com a verdade dos fatos, sem distanciar-se dos direitos individuais do investigado.



Postado em: 21/07/2017

<< Voltar

Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte - ADEPOL-RN
Rua João XXIII, nº 1848 - Mãe Luiza - Tel.: (84) 3202.9443 - Natal/RN
E-mail: adepolrn@gmail.com