A Delegacia de Polícia Civil de Santana do Matos



A Delegacia de Polícia Civil de Santana do Matos, com apoio do Setor de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) e da Polícia Militar, deflagrou na quinta-feira (08), a Operação Minority Report que desarticulou uma associação criminosa que realizava roubos e tráfico de drogas na cidade de Santana de Matos e região.  Foram presos na Operação cinco homens e foi apreendido um adolescente. O grupo era formado por presos que estavam detidos no RN e no Mato Grosso, e por suspeitos que moravam na cidade.

O nome da Operação denominada "Minority Report" é uma alusão a um filme de ficção científica dirigido por Steven Spielberg. No filme, uma elite de policiais com poderes paranormais tinham conhecimento de quando um crime estava para acontecer, e impediam a concretização dos delitos.

Foram presos na "Minority Report", em cumprimentos a mandados de prisão, Francisco Duda da Rocha Silveira, conhecido por “Chico Né”, o qual se encontra recluso na Penitenciária de Alcaçuz; Arthur dos Santos Sales de Araújo, e um adolescente, ambos moradores de Santana do Matos; Francisco das Chagas da Silva, conhecido por “Chaguinhas”, 20 anos, residente em  Natal (preso na zona Oeste da capital pela Delegacia Especializada em Delegacia Especializada em Furtos e Roubos – Defur ); e Valdir de Souza do Nascimento, preso pela Polícia Civil de Mato Grosso, recluso na Penitenciária Federal situada em Campo Grande.  Durante a Operação também foi preso em flagrante João Pedro da Silva Macedo, 19 anos. Ele estava guardando uma espingarda calibre 12 que era de Arthur dos Santos Sales. João Pedro será autuado pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

Investigação 

"Nossas investigações sobre a atuação deste grupo começaram em janeiro de 2015, logo após a ocorrência de um roubo contra um estabelecimento comercial da cidade, realizado por uma dupla que estava armada. Descobriu-se que o comando do referido assalto partiu do presídio, e que os dois jovens assaltantes contaram com apoio de moradores de Santana do Matos para a realização do evento criminoso. Posteriormente, policiais tiveram conhecimento que o grupo programava `uma onda de assalto´  em Santana do Matos, contando com o apoio dos apenados Valdir Souza do Nascimento, o qual estava preso na Paraíba e Francisco Duda Rocha Da Silveira, que estava custodiado na Penitenciária Estadual do Seridó, mais conhecida por Pereirão", detalhou o diretor-adjunto da Delegacia de Polícia do Interior (DPCIN), delegado Lenivaldo Pimentel.

A investigação que culminou com a prisão dos suspeitos também contou com a participação da Secretaria da Administração Penitenciária da Paraíba, pois Valdir Souza do Nascimento estava detido à época dos crimes numa unidade penitenciária da Paraíba e acabou sendo transferido para a Penitenciária Federal em Campo Grande.

"Com a prisão e desarticulação do grupo, a polícia impediu a ocorrência de  assaltos, homicídios, além de danos ao patrimônio de moradores de Santana do Matos, todos estes crimes estavam programados para ocorrer", finalizou delegado Lenivaldo Pimentel.



Postado em: 08/10/2015

<< Voltar

Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte - ADEPOL-RN
Rua João XXIII, nº 1848 - Mãe Luiza - Tel.: (84) 3202.9443 - Natal/RN
E-mail: adepolrn@gmail.com