Dentro de cadeia no RN, preso aplica golpes em políticos e empresários



Agentes da 3ª DP de Natal prenderam na tarde desta segunda-feira (15) Edilson Genésio da Silva, de 35 anos. Ele é suspeito de aplicar golpes em políticos e empresários do estado de dentro da cadeia. De acordo com a Polícia Civil, Edilson foi condenado pelo mesmo golpe em 2013 e estava aplicando os golpes de dentro da unidade prisional onde cumpre pena, o Presídio Rogério Coutinho Madruga, também conhecido como Pavilhão 5, localizado em Nísia Floresta, Grande Natal.

De acordo com o delegado Fábio Montanha, o golpe aplicado pelo homem é o mesmo pelo qual foi condenado em 2013. Segundo o delegado, Edilson ligava para as vítimas se passando por políticos do estado a fim de conseguir informações pessoais delas. Em posse dos dados, Edilson fazia novas ligações, desta vez para políticos e empresários do Rio Grande do Norte, utilizando a identidade das vítimas para pedir dinheiro.

Ainda de acordo com a polícia, as gravações telefônicas do golpe estão sob sigilo, mas de dentro da cadeia o homem teria conseguido enganar duas pessoas e as vitimas depositaram 1.800 reais cada uma. A Policia Civil ainda investiga pelo menos duas pessoas que estariam dando apoio ao golpe do lado de fora da cadeia, operando as contas e sacando o dinheiro depositado pelas vitimas.

Em 2013, quando foi condenado após confessar o crime, Edilson Genésio da Silva admitiu que para realizar os estelionatos usou os nomes, à época, do presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Paulo Roberto Chaves Alves, do conselheiro aposentado do TCE, Valério Alfredo Mesquita, do coordenador estadual do Procon, Ney Lopes de Souza Júnior, e do desembargador do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), Manoel Cláudio Amorim dos Santos.



Postado em: 16/06/2015

<< Voltar

Associação dos Delegados de Polícia Civil do Rio Grande do Norte - ADEPOL-RN
Rua João XXIII, nº 1848 - Mãe Luiza - Tel.: (84) 3202.9443 - Natal/RN
E-mail: adepolrn@gmail.com